[RP] Nest of Vipers

 :: H u n t e d

 :: Prisão

Ir em baixo

[RP] Nest of Vipers

Mensagem por Thomas Tarwick em Sab Dez 19, 2015 10:36 am



✖ Nest of Vipers ✖

✖ Usuários: Tessa Wërtz Hoffmeister and Thomas Tarwick
✖ Local: Corredores e celas.
✖ Status: Em andamento.
✖ Conteúdo: Livre.
✖ Tempo: 20h00
✖ Clima: Frio com chuva forte.
✖ Snake eat snake ✖
© mr. houdini
avatar
Thomas Tarwick
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 34
Data de inscrição : 30/11/2015

Ficha do Prisioneiro
Nível: 16
Experiência:
70/100  (70/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Nest of Vipers

Mensagem por Thomas Tarwick em Sab Dez 19, 2015 11:30 am


“...
Nest of Vipers

Thomas Tarwick

Thomas andava pelos corredores da prisão como sempre fazia. Os dias estavam cada vez mais cansativos e monótonos. Buscava algo interessante, alguém interessante, qualquer coisa que mudasse o tom sombrio do maldito local.

Os corredores eram bons lugares para saber o que estava acontecendo na prisão, podia ouvir vozes vindo das celas, abafadas pelas pesadas portas, às vezes ouvia gemidos, choros, risadas. Eram as risadas que perturbavam o homem. Como alguém podia ser feliz em um lugar como esse? Continuou seu caminho sem rumo, indo para as celas mais novas, procurando rostos novos.

Quando se ficava três semanas confinado, o desejo por coisas novas e diferentes era maior que o cuidado. Então o manipulador andou em direção às celas de número maior, de início sem rumo, apenas curioso. "O que será que o dia me promete?", perguntou em pensamento, distraído.

...".
Bluee @ Cupcake Graphics
avatar
Thomas Tarwick
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 34
Data de inscrição : 30/11/2015

Ficha do Prisioneiro
Nível: 16
Experiência:
70/100  (70/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Nest of Vipers

Mensagem por Tessa Wërtz Hoffmeister em Sab Dez 19, 2015 2:05 pm

we're snakes
we can feel the poison
Certamente o interior da cela não era tão mais convidativo aos olhos dela quanto o exterior. Ou qualquer outra coisa que vira naquele local, ali, onde deveria começar a chamar de lar. Nenhuma informação mais expandida fora dada a ela, e isso fazia-a ter sede de novidades. Quando sairia? Quando veria novamente aqueles que deveria chamar de pai e mãe? Nunca pensou que fosse sentir falta de Narcisa e Thorfinn Hoffmeister, todavia lá estava ela, encolhida no canto de sua cela compartilhada, trajando aqueles uniformes horrendos de presidiário. Não cometera nenhum crime com seus poderes. Nunca matara ninguém, apesar de já ter machucado. Por que, então, mantinham-na presa naquele local? Não sabia se sentia raiva ou pena de si mesma. Talvez sentisse ambos, porque olhava para o pretérito e lembrava-se de ser mais cautelosa. Deveria ter escondido, pensou, exasperada. Deveria ter deixado entre as paredes do meu quarto. Aquilo perseguia-a, por mais que não tenha sido culpa unicamente dela.

Teresa levantou-se, alisando com as mãos a calça listrada que estava amarrotada. O uniforme estava grande demais nela, e isso a deixava desconfortável, por mais que fosse eficaz contra o fio que fazia naquele dia. Sentiu um arrepio percorrer sua espinha enquanto caminha para fora da cela. O rapaz que a dividia consigo não estava presente, e, mesmo, raramente ficava, dando-lhe paz para remoer pensamentos dolorosos. A loira não queria mais isso, queria se distrair, voltar a sorrir. Saiu da cela, a passos lentos porém firmes. O horror do âmbito não mudou muito ali fora, com a parca iluminação. Mordeu o lábio.

Odeio esse lugar — rosnou, recostando-se em uma parede.
I buy my crack, my smack, my bitch right here in Hollywood. Nearly 2 million Americans are incarcerated in the prison system, prison system of the U.S.


● ● ●

a heart full of love
a heart full of song
avatar
Tessa Wërtz Hoffmeister
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 137
Data de inscrição : 18/12/2015
Idade : 23
Localização : Na beira do mar, ooh.

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
92/100  (92/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Nest of Vipers

Mensagem por Thomas Tarwick em Qua Dez 23, 2015 12:51 pm


“...
Nest of Vipers

Thomas Tarwick

"Os corredores são mais frios que as celas", concluiu Thomas em pensamento enquanto andava até as celas mais novas. Em meio aos pensamentos, seus olhos observavam cada milímetro do local tão assustador aquela hora da noite.

Ouviu uma voz feminina resmungando, então correu os olhos na direção de onde vinha o som. Era uma garota loira, ela estava escorada em uma parede, aparentemente frustrada. Thomas se aproximou da mesma, quanto mais se aproximava, tinha uma visão mais clara sobre a aparência dela. Tinha olhos grandes, não conseguia ver exatamente a cor dos mesmos. Sua pele era branca, contrastando com o cinza das paredes, era bonita aos olhos de Thomas. O manipulador respirou fundo pigarreou, mantendo uma pose formal.

-Olá, meu nome é Thomas Tarwick - anunciou formalmente - A senhorita me parece aflita. Posso ajudá-la em algo? - Então abriu um sorriso com o canto dos lábios.


...".
Bluee @ Cupcake Graphics
avatar
Thomas Tarwick
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 34
Data de inscrição : 30/11/2015

Ficha do Prisioneiro
Nível: 16
Experiência:
70/100  (70/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Nest of Vipers

Mensagem por Tessa Wërtz Hoffmeister em Qui Dez 24, 2015 1:11 am

we're snakes
we can feel the poison
Sentir-se morta não era novidade nenhuma. Ela ansiava por algo que não fosse escuro e frio, como o interior daquela prisão. Queria sua liberdade de volta, queria o que tinha antigamente. Mas não podia. Sua vontade era a de, então, socar todos os rostos que lhe aparecessem na frente, porém sua breve estadia no local não lhe proporcionará conhecimento suficiente sobre a índole dos seus companheiros de uniforme. Ela suspirou, aflita. Até que ouviu uma voz masculina à sua esquerda, e os olhos de íris em um tom verde cinzento colaram-se no dono das palavras.

Era jovem e bonito, o que levava-a a deduzir que não prendiam somente pessoas com aparência marginalizada. Sabia disso pela sua própria situação, uma vez que parecia mais a filha do conde de Berlim do que a ladra que se tornara. Ela o observou por algum tempo, enquanto ele se apresentava. Seu nome soava altivo, e ela fez um aceno com a cabeça.

Olá, Thomas — disse, a voz adocicada e suave. — Eu sou Teresa Hoffmeister. Seria um prazer conhecê-lo em outras circunstâncias — disse, lançando um olhar ao redor, a tudo que abrangia o âmbito onde se encontravam. Depois, olhou para os próprios pulsos machucados com a força que fizera para libertar-se das algemas na sala da entrevista. Ela só queria uma coisa naquele momento. — Se quer me ajudar, ache uma maneira de sair deste lugar e me leve junto.
I buy my crack, my smack, my bitch right here in Hollywood. Nearly 2 million Americans are incarcerated in the prison system, prison system of the U.S.


● ● ●

a heart full of love
a heart full of song
avatar
Tessa Wërtz Hoffmeister
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 137
Data de inscrição : 18/12/2015
Idade : 23
Localização : Na beira do mar, ooh.

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
92/100  (92/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Nest of Vipers

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 :: H u n t e d

 :: Prisão

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum