Evento - Puppeteer's Show

Novo Tópico   Responder ao tópico

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Puppeteer em Sab Dez 26, 2015 8:01 pm

Relembrando a primeira mensagem :


Puppeteer Challenge
Xfrwzwl kziz mãl xzri vn vhjfvxrnvmgl.
__________________________________________________________________________________
Todos os onze detentos acordaram no chão de uma sala ampla, haviam computadores e outros tipos de máquinas por todos os lugares, mas apenas alguns funcionavam, na parede do fundo da sala havia um telão do tamanho de uma tela de cinema que mostrava apenas estática, era possível ouvir sons que vinham dos computadores, mas eram apenas chiados, nada relevante.

A sala estava escura, iluminada apenas pelos monitores ligados. Era possível verem alguns fios soltos que soltavam faíscas de tempo em tempo.  A sala estava quente, estava tudo abafado, provavelmente os dutos de ventilação não estavam funcionando. Havia canos pelo teto, provavelmente estavam próximos à sala com os registros. Alguns canos se encontravam enferrujados, vazando ou até mesmo quebrados. Não havia janelas, estavam no subsolo. Provavelmente na sala de operações da prisão.

Sem cerimônias, uma sombra apareceu flutuando na frente do monitor maior. Essa sombra tinha pernas compridas e um tórax largo, seu rosto estava tampado por um saco de batatas e havia no lugar dos olhos um par de botões. A figura vestia uma calça colada, assim como uma camiseta de manga comprida também colada, ambas da cor preta cheia de remendos. Trazia nas costas um banjo e nas mãos um par de luvas de couro. Seus sapatos eram grandes e pretos, como os de um palhaço empresário.

-Bem-vindos! – Anunciou a criatura – Bem-vindos ao meu show! Meu nome é Puppeteer. – Se apresentou, fazendo uma reverência – Eu sou o mestre desse show e vocês são os participantes. – Dizendo isso, o rosto de cada um dos detentos apareceu em um monitor diferente, enquanto o monitor maior mostrava apenas estática.

-Vejamos, vejamos. Quem está aqui? – Disse deslizando o dedo por uma prancheta, até que para em um nome e olha para os detentos novamente – Ethan Slowan! Mimetismo empático, francês e toda essa baboseira de sempre. Se acha o gatão, mas na realidade é só um entre os milhões de homens no mundo.  – Puppeteer flutuou até o garoto e pousou a mão fria como um cadáver no ombro do mesmo - Filho rebelde, internado em um hospício... Entendi. – Então olha nos olhos de Ethan e o puxa um pouquinho - Fique tranquilo, querido, aqui nesse jogo você vai se apaixonar! Ou vai cair em esquecimento, depende das suas ações.

-E logo em seguida temos Teresa Georgina Bërk-Wërtz Hoffmeister, também conhecida como ‘Tessa’ – disse a criatura enquanto flutuava até ficar de frente com a garota – A garota é CHOCANTE! Eu diria que você é um pouquinho egoísta, um tanto barraqueira, você não leva desaforo para casa. Será que aprendeu isso com o vovô e a vovó? Já que seus papais não davam atenção pra você. Mas quem precisa de atenção quando se tem tudo o que quer, não é mesmo? – Então ri em voz alta e sussurra no ouvido de Tessa – Não vou falar para ninguém do Aleph, ok? – Então se afasta da garota, flutuando na direção de Francesca, mas antes de chegar lá, se vira para Tessa e grita para todos ouvirem – O que ela mais teme é a morte!

-Francesca, sua vez – Disse riscando a prancheta – Nossa, que azar, sua irmã não está aqui com você. Havva é o nome dela, certo? – Então começa a rodopiar no ar enquanto lê a planilha em voz alta – Pode curar pessoas e se curar, morre de medo de lagos, rios, mares e oceanos. Tem medo de criaturas aquáticas também. Manipuladora, coração frio, trust no one – Puppeteer solta uma gargalhada alta – Nossa, seu pai era um demônio contigo! Já tem uma filha? Já posso te considerar uma MILF então? Pobre Madelline, vamos torcer para a mamãe voltar. Não é mesmo? – Olha Francesca nos olhos por alguns segundos então suspira.

-O próximo da lista é Mikhail Heins Wolfgäng – Faz uma expressão como se estivesse surpreso – Nome mais estereotipado alemão que eu já ouvi na vida. Para deixar melhor podia colocar um “Chucrute” na frente. Vamos lá, Dr. Chucrute, você tem magnetocinese, estou certo? Sempre estou. Sete anos no orfanato de Offenbach, duas famílias adotivas morreram tragicamente, orfanato fechou e teve que morar na rua. Ganhou seus poderes no vazamento químico daquela fábrica na Alemanha, agora eu me lembro. – Então começou a ler a prancheta, como se estivesse procurando algo – É, aqui não tem mais nada interessante, talvez sua claustrofobia ou o destino que a Ofelia teve, mas nada tão relevante.

-Agora temos Mikael... – Então se aproxima mais da prancheta para ler – Oakheart ou alguma coisa parecida. Tão jovem, apenas onze aninhos, maestria corporal. Sabe o que muito poder na mão de uma criança tão pequena pode fazer? Merda. Ele só ama a mãe dele, parece uma criancinha indefesa, mas nós sabemos que não é, certo, Mika? Esse pequeno psicopata matou o próprio pai, que também era um assassino. Sua vida não tem muita coisa interessante, você tem medo de altura e tudo mais. – Então se afasta do garoto rindo baixinho.

-Seguindo na fila temos Violet Maddox, vinte anos, morre de medo de agulhas e tem transformismo animal! – Então imita um gatinho e arranha o ar na frente da garota – Temos uma fera selvagem e indomável. Desde pequena já era bestial. – Então olha para os outros detentos – Sabiam que ela já furou a mão de uma amiguinha com doze anos? E empurrou a prima da escada? – Então olha para Abby – OLHA, A PRIMA ESTÁ AQUI! OI! – E volta a olhar a prancheta e fica de frente com Violet – Vou tomar cuidado com você, a última pessoa que se aproximou de você e tinha uma prancheta quase morreu, certo? Seu psicólogo? – Então começa a se afastar de Violet, indo em direção à sua prima – Abby, para se vingar da sua priminha, fale que o Axel era um bobão.

-Aqui temos nossa femme fatale, Abby! A garota de coração frio, impaciente, “bipolar” e mais um monte de coisa. Um ano mais nova que sua priminha, tem hemocinese, ela pode controlar bandas tipo Simple Plan – Então solta uma gargalhada – Foi uma ótima piada. E então, sente saudades de cantar na sua bandinha? – Quando diz isso puxa o banjo que estava nas costas e dedilha por alguns segundos uma das músicas que a banda de Abby tocava - Ou talvez da sua irmã? Como ela se chamava mesmo? Olive, a pequena O, sim agora me lembro. Só não me lembro o que aconteceu com ela depois que você vir para essa prisão... – Então ri muito alto – É óbvio que eu sei! – Encara a garota por alguns segundos então grita.

-Próximo! Elish Krystonvon Blablabla – Bufa desanimado – Odeio nomes difíceis! Mas enfim, você vai se divertir muito aqui porque esse lugar é abandonado e lotado de aranhas, e eu sei que você morre de medo de aranhas. Você tem mimetismo draconiano, nasceu na Noruega e perdeu os pais em um acidente de carro. – Então respira fundo e olha para ela, falando sério - Você tem a personalidade de uma rainha, de uma rainha Lannister! – Então ri e olha em volta, esperando ver sorrisos – Mais alguém pegou a referência? Bom, espero que se divirta com seus novos amigos, que eles sejam como irmãos para você. – Anda até o próximo detento.

-Zachary Tucker, telepata, dezenove anos. Você se diz um sociopata, mas creio que fará grandes amizades aqui e você irá depender deles assim como eles irão depender de você. Matou um cachorrinho, foi abandonado pelos papais, a irmã dedurou você para a internet e tomara que ela tenha virado um meme, mas agora vou falar sério – Puppeteer cresce até atingir dois metros de altura, se curva para ficar com o rosto na altura do garoto, para todos as sombras pareciam crescer e deslizar pelas paredes, a voz de Puppeteer se alterou, tornando uma mistura de voz masculina, feminina e animal – Você não passa de um filhote querendo atenção! – Então volta para o tamanho normal e inclina a cabeça para o lado – Sua vida toda você falou do demônio, nunca pensou que iria encontrá-lo cara a cara, certo?

-Você deve ser a Margarida – Disse com uma voz doce enquanto estendia a mão para a garota – Você deve estar morrendo de medo, criança, mas saiba que nada de mal irá acontecer com você – Então altera a voz para uma voz sombria – Estou brincando, eu não posso garantir nada! – Então ri novamente e passa a ler a prancheta – Você é uma parasita, basta um toque e o seu oponente, ou amigo, está perdido. Apesar dessa ameaça constante você é uma pessoa boa, prestativa, doce, o que está em falta aqui. – Então passa a ler a prancheta com uma voz de desinteressado, como se visse aquilo todos os dias - Foi vítima do machismo pelo próprio pai, mas sempre há uma mãe bondosa para suprir a carência. Cresceu em um orfanato católico, matou suas amiguinhas com sete anos, mas óbvio que foi sem querer. – Olha para a garota - Já sobre o seu pai eu não sei se foi sem querer, você não gostava dele. Será que a nossa Margarida não é tão boa quanto pensávamos? O que a Scarllet e o Thomas pensariam de você agora?

-Por último temos a Bae! – Anuncia animado, jogando a prancheta para trás – Garota independente, bastarda, adora aparecer, o estereótipo da patricinha mimada. Seu poder é mimetismo vulcânico. Nasceu para os holofotes e agora está esquecida. Você, Bae – Disse se aproximando mais da garota – Você nasceu para causar! Filha do príncipe com uma duquesa? Gêmeos? Você é um desastre e eu gosto de desastres. – Então começa a se afastar dos detentos.

Flutuou até o telão novamente, dessa vez parecia estar mais calmo. A criatura cruzou os braços e passou a encarar cada um dos detentos. Enquanto isso o telão começou a mostrar imagens de cada um dos detentos, vídeos deles no seu dia-a-dia na prisão de Hunted. Curiosamente apareceram outros detentos que ninguém nunca tinha visto na prisão.

-Gente, vamos lá. Eu preciso da ajuda de vocês. – Tosse alto, dizendo em seguida bem baixinho “mentira” – Existem três pessoas horríveis e perigosas andando pelos corredores da prisão. Sim, vocês ainda estão na prisão. Preciso que vocês encontrem essas pessoas e matem-nas, trazendo a cabeça delas aqui para mim. Simples.

Ao terminar de falar, Puppeteer desapareceu. Três portas se abriram, cada uma tinha uma placa indicando para onde levariam.
Primeira Porta: Distrito dos Funcionários.
Segunda Porta: Distrito dos Detentos.
Terceira Porta: Área de Lazser.

Código:
Instruções:
-Podem separar os grupos como quiserem, mas devem ter no total, três grupos;
-Se virem;
-Há risco de morte;
-Pode desistir quando quiserem;
-Rolem o D10 caso usarem algum ataque;
-Quem não postar no prazo está eliminado;
-Prazo para postarem: 00:00, 29/12/2015.



Made by Zouxas

● ● ●

avatar
Puppeteer
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 13
Data de inscrição : 09/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Seg Jan 18, 2016 9:37 pm

O membro 'Zachary P. Tucker' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'D20' : 10

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Puppeteer em Ter Jan 19, 2016 4:43 pm


Puppeteer Challenge
Huey, Thomas and Violet
__________________________________________________________________________________
“”
_______________________________________
Distrito dos Funcionários:

Cautelosamente, Mikael se deslocou em direção à cabana de madeira. A sua aproximação lenta deu a chance da criança ouvir um som como se algo estivesse rastejando, mas algo dentro de si o encorajava a continuar, fazendo-o encostar o cano da arma na porta cuidadosamente enquanto espiava para dentro do recinto.

A cabana cheirava mofo, as tábuas de madeira rangiam com os passos de Mikael e de mais algo que estava lá dentro. Do outro lado da sala havia uma lareira em brasas que quando o garoto passou o olhar sobre ela, as brasas se agitaram e se transformaram em uma labareda assustadoramente grande, atraindo a atenção dele. Mas ao olhar para a sua esquerda, deu de cara com a máscara de saco de batatas com botões nos olhos, era Puppeteer que o encarava com os braços cruzados e o corpo inclinado em sua direção.

-Bu! - Disse a figura com sua característica voz descontraída. Em seguida passou a rir descontroladamente, pondo as duas mãos na própria barriga e inclinando o corpo para trás. Então a criatura se recompôs e voltou a cruzar os braços na altura do peito. - Mikael, você chegou cedo. Estava espalhando corpos pela estufa para você ter certa vantagem na sua luta - Disse apontando com o indicador até uma pilha de corpos que se encontravam no canto da sala. - E também tive que procurar  aquela... Como chama mesmo? Júlia Wzyzlaw, alguma coisa assim. Deixei ela lá perto do riacho, aconselho você a dar uma olhada.

Em seguida a figura desapareceu em uma nuvem negra. Mikael ouviu um grito feminino vindo da direção onde estava o riacho, em seguida o grito cessou abruptamente como se algo estivesse bloqueando o som. O garoto correu na direção do riacho, chegando lá se deparou com uma imagem mitológica. Júlia se encontrava acorrentada em uma pedra enquanto logo a sua frente havia uma criatura de três metros de altura, feita totalmente de água, mas era uma água agitada, o que não permitia Mikael ver através do corpo da mesma.

A criatura de forma humanóide olhou por cima dos ombros, vendo o garoto plantado ali. Girou no próprio eixo até ficar frente a frente com a criança, então se aproximou alguns passos, usando a corrente do riacho para se locomover com mais agilidade. Apontou o dedo indicador da mão direita para Mikael e disse com uma voz distorcida:

-Você é um impostor, Puppeteer disse que impostores viriam tentar salvar essa detenta perigosa! Mas se disfarçar do meu próprio primo já é demais! - Disse enquanto tentáculos de água surgiam de suas costas, estava preparado para o combate.

____________________________________
Distrito dos Detentos:

-Pare! - Ordenou a figura encapuzada para Violet, obrigando-a a parar em meio a corrida. Por algum motivo a loira sentia-se na obrigação de obedecê-lo. Então virou-se abruptamente ao ouvir a voz de Tessa, tal movimento fez com que o capuz que cobria sua cabeça deslizasse para baixo, revelando o rosto do mesmo. Margot e Tessa reconheceram ali o detento Thomas Tarwick - O que? - Perguntou em meio a um sussurro, como se estivesse surpreso - Como é possível?

A hesitação e confusão eram presentes na voz do loiro, que se afastava alguns passos. Após uma análise mais minuciosa, era possível notar uma cicatriz grande no pescoço de Thomas, bem como a falta do seu lóbulo da orelha esquerda. A barba do homem agora estava mais volumosa e desgrenhada, como se não tivesse feito por algumas semanas. Thomas estreitou os olhos para Margot e travou o maxilar como sempre fazia quando estava desconfiado.

-Quem são vocês? A verdadeira Margot e a verdadeira Tessa morreram durante a revolta! E você... - Disse se aproximando de Margot - Por favor diga que não é mais um jogo. Diga que você voltou. - Os olhos do manipulador estavam vidrados na ruiva.

_________________________________
Área de Lazer:

A criatura finalmente decidiu sair de seu esconderijo, saindo do meio das plantas. O grupo pôde enfim observar o que iriam enfrentar. Dois metros de puro músculo, ombros largos e braços grandes. Suas pernas se demonstravam ágeis e bem fortes. Pelos acinzentados cobriam o corpo da criatura, exceto na cabeça onde o cinza ganhava uma coloração amarelada. A cabeça da criatura se assemelhava à de um rottweiller, apesar de suas mãos terem aparência felina e seus pés lembrarem cascos de bode. Uma saia de couro cobria o sexo da criatura.

-Sempre irônica - Rosnou olhando para a morena que se espremia para sair da jaula - Aonde está indo, Abby? Vem me dar um abraço! - Dizendo isso a criatura pulou contra Abby. O salto saiu perfeito como se fizesse aquilo a tempos. A morena conseguiu desviar da investida, porém a fera se chocou contra a porta da jaula, estourando-a de suas dobradiças e caindo bem na frente de Zachary. A fera se levantou e rugiu, agora estava livre e a luta iria começar.

Código:
Instruções:
-IMPORTANTE PRA CARALHO! Agora começou a batalha para vocês, exceto para a porta 2. Preciso que lancem sempre um dado para o ataque do boss contra você e um dado da defesa dele. Não precisa narrar o que ele fez, apenas lance o dado.
-IMPORTANTE! Eu não ligo para a nivelação de poderes, para mim vocês podem fazer o que quiserem. Vou levar em consideração a rolagem de dados e os atributos, apenas.
-IMPORTANTE DEMAIS! D20 para suas ações e D10 para as ações do boss.
-IMPORTANTÍSSIMO! NÃO PODE MAIS DESISTIR!
-Há risco de morte;
-Rolem o D20 caso usarem algum ataque ou usarem o poder E TAMBÉM PARA SE DEFENDER;
-Quem não postar no prazo está FERRADO;
-Prazo para postarem: 22:00, 21/01/2016.

Made by Zouxas

● ● ●

avatar
Puppeteer
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 13
Data de inscrição : 09/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Tessa Wërtz Hoffmeister em Ter Jan 19, 2016 7:00 pm

We're in his show.
We're nothing but nothing now.
We're just puppets in his hands.
Waiting for the death.
A voz que fez Violet parar no ato lhe soou estranhamente familiar. O timbre grave carregado de demasiada carisma anunciando um comando como se fosse a única coisa que precisasse para ter o mundo em suas mãos. Ou na ponta da língua. O movimento brusco que seguiu-se após aquilo fê-la ter certeza da mais louca sugestão que seu subconsciente lhe dera. Os olhos azulados fixaram-se nos da loira por breves momentos, em um compartilhamento de confusão mútua, e então Thomas começou a murmurar fatos estrambóticos.

Mortas? A garganta da Hoffmeister pareceu fechar-se por um momento enquanto ela vasculhava a expressão fixa do manipulador. Ela não estava morta. Nem Margot. Nem Violet. Os únicos que tiveram tal destino foram Elish e Mikhail, e Tessa ainda lembrava-se do sangue e dos apelos diante da escuridão do esquecimento. O que diabos tá acontecendo aqui? Thomas parecia ter passado por seções de tortura, uma vez que os olhos da loira encontravam hematomas e ferimentos pela pele visível do rapaz. A mente perturbada por histórias que pareciam impossíveis também era um forte indício de que o haviam machucado até a loucura.

O primeiro impulso que Teresa teve foi o de puxar Violet e Margot de perto dele, uma vez que o loiro poderia voltar-se facilmente contra ambas e machucá-las. Mas não ousou fazer, sabendo que ele tomaria aquilo como atitude estranha. Decidiu que agir normalmente e tentar produzir uma conversa lúcida era a melhor maneira de resolverem aquele mal entendido.Os lábios crisparam-se por um breve momento enquanto Tessa respirava profundamente.

Ei — ela disse, iniciando a oração com uma voz doce e sutil, suficiente para demonstrar a garota que era. Ou que fora, outrora. — Não estamos mortas, Tarwick. Não há revolta nenhuma. Só a gente — Teresa manteve-se atenta a possíveis ataques, não baixando a guarda à qualquer custo, mas aproximou-se amigavelmente do trio à sua frente, visando contato melhor com o rapaz perturbado.

Ações // Informações.
— Tentar conversar com Thomas.
— Dado 1: defesa.
Atributos // Perícias
— Resistência a tortura {amador};
— Destreza: 06;
— Força: 03;
— Inteligência: 10;
— Carisma: 05;
— Vigor: 06.


● ● ●

a heart full of love
a heart full of song
avatar
Tessa Wërtz Hoffmeister
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 137
Data de inscrição : 18/12/2015
Idade : 22
Localização : Na beira do mar, ooh.

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
92/100  (92/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Ter Jan 19, 2016 7:00 pm

O membro 'Tessa Wërtz Hoffmeister' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'D20' : 18

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Bae Buckingham em Qui Jan 21, 2016 3:18 pm


V
ontade de ajudar: 0% unida com o grande exemplo de grupo que havia sentido na pele. Rolei os olhos cruzando meus braços apenas olhando o que acontecia, meu coração batia em disparado e me controlava para não expressar o que sentia. Apertava meu maxilar e dei um passo para trás ao ver a grande criatura, seus músculos eram espantosos e torci o nariz com nojo ao ver os pelos, eca.
Passava facilmente dos dois metros, braços grossos e repleto de músculos, pernas longas e com apenas um passo poderia chegar onde quisesse, ótimo jeito de fazer um grupo recuar, bizarro, ri de nervoso e passei as mãos pelos meus cabelos, a ação da morena dentro da jaula não foi a melhor e para mim parecia implorar para morrer, iria gostar  de assistir...

-Essa vai ser boa...

Sussurrei para mim mesma e coloquei uma das mãos atrás de meu corpo checando se meu canivete estava ali, não iria mostrar que tinha um objeto cortante e até ter a chance de perder.  Olhei rapidamente para Francesca e Zachary, eles sim deveriam se importar com a amiguinha, ambos olhavam com os olhos arregalados e li nas testas deles que nenhum tinha um plano para se livrar da criatura.
Com o pulo da fera não pule negar o susto que havia levado, ao vê-la parar perto de Zach e rugir elevei um braço lançando projéteis flamejantes e afiados na criatura, certificando que não acertaria ninguém além dela, e com minha outra mão em um movimento rápido lancei lava nas pernas da criatura subindo minha mão na intenção de cobrir todo seu corpo, não estava longe e sabia que ria acertar e causar algum dano.
É, para quem não quer ajudar até que estava fazendo muita coisa, e atraindo a atenção para mim mesma.

-
-
-
-
Atributos:

Spoiler:
Destreza: 7
Força: 5
Inteligência: 10
Carisma: 2
Vigor: 8

Perícia
Spoiler:

■Mira: Você sabe mirar em alvos pequenos a uma boa distância. < Mestre

Habilidade usada
Spoiler:


Nível 9 Capacidade de coordenação de lançamento de projéteis de lava e de rocha. Pode fazer com que seu corpo fique rígido como uma rocha vulcânica, ganhando assim grandes habilidades de defesa contra ataques diretos

Nível 16 Pode fazer com que seu corpo fique rígido como uma rocha vulcânica, ganhando assim grandes habilidades de defesa contra ataques diretos; Lança lava em até 1,30m de distância.

Porta 3: Área de Lazer.

D20: Ataque
D20: Ataque
D20: Defesa
D10: Criatura


I just want win!
[size=58]®[/size]
[/i][/i]
avatar
Bae Buckingham
the boredom killers
the boredom killers

Mensagens : 21
Data de inscrição : 11/12/2015
Idade : 22
Localização : Cela 36 meu bem.

Ficha do Prisioneiro
Nível: 16
Experiência:
85/100  (85/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 3:18 pm

O membro 'Bae Buckingham' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 12

--------------------------------

#2 'D20' : 12

--------------------------------

#3 'D20' : 5

--------------------------------

#4 'D10' : 3
avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Margot W. Furtwängler em Qui Jan 21, 2016 4:56 pm




purpose




You got your hazard lights on now, hoping that somebody would slow down. praying for a miracle. who'll show you grace?
“Tarwick!” Os lábios não poderiam se juntar novamente. O espanto os separava e criava em meio a eles uma passagem para a surpresa, a confusão. Enquanto isso, os olhos tinham, momentaneamente, suas pupilas dilatadas. Arregalados, perplexos. Incrédulos. Não era possível, não podia ser ele ali, não daquela maneira. Pelo menos, era nisso que Margarida continuava a acreditar.

Cambalear para trás fora a única reação de seu corpo, o qual era manuseado pelo toque de Tessa em seu ombro, puxando-a para mais perto dela. Tropeçava como uma inconsciente em seus próprios pés, desequilibrando e estando prestes a cair no chão, talvez podendo encontrar algum meio de se sustentar, uma segurança que não a levasse de volta para o abismo no qual caíra ao ter o rosto do anônimo revelado. “Como eu não percebi os olhos?” Questionava-se, sentindo-se culpada por sua falta de atenção e por estar em meio àquela situação, pois, provavelmente, Thomas seria o alvo final de todo aquele show.

Após um longo espaço de tempo de olhos fechados e pálpebras pressionadas com certa força, a alemã pode enfim adquirir o dom da visão novamente, tal qual se fazia turva em um primeiro momento, mas que logo era abraçada e carregada pela nitidez trazida pela luz.

Havia uma cicatriz em seu pescoço. Uma cicatriz tão grande que demarcava o início deste ao final, elevando minimamente a pele antes rasgada e tendo uma coloração diferente do tom predominante de seu corpo. Faltava-lhe o lóbulo de uma orelha. E, a barba, cuja sempre fora feita e mantida em perfeito estado, agora, tornava-se desorganizada e razoavelmente grande, trazendo ao seu rosto um toque de sofrimento, de tortura. “Meu Deus, o que aconteceu com você?” Queria gritar para ele, pedir explicações, reconhecê-lo, no entanto, as palavras que escapavam por seus lábios não faziam sentido algum.

- Eu não estou morta! – Gritou, rouca e com a voz falha, cerrando as mãos em punhos e apertando os dedos naquela posição. Os fios ruivos lhe caíam sobre o rosto, misturando-se à palidez e às sardas de suas bochechas inclinadas para o chão. Ela permanecia de cabeça baixa a todo momento, inclusive ao perceber que o maior se aproximava. – Eu não estou morta. Eu estou aqui. – Sussurrava para si mesma, agora observando os calçados dele. – Eu sou de verdade! Eu estou aqui! – Elevou o tom de sua voz, erguendo o rosto e tornando o corpo esguio.

Procurava os olhos dele com toda a urgência existente, tendo os seus carregados de confusão e um toque de curiosidade, o qual era misturado à esperança. -  Eu jamais fui embora. Eu nunca morri. E sou a única Margot desse lugar! – Disse para ele em um tom trêmulo, buscando ter segurança em suas palavras. Contatou ambos os olhares com todas as suas forças. – Tarwick, este não é você. – Proferiu tais palavras pausadamente visando o entendimento completo do que dizia por parte do outro.

Em modo de síntese, afastou-se um pouco mais e manteve as mãos cerradas em punhos, dessa maneira, caso precisasse, estaria disposta a utilizar seu poder para defesa, mesmo que aquela fosse a sua última vontade na vida. – Eu só quero que isso tudo acabe, por favor. – O tom de sua voz esbanjava clamor, seus olhos o medo e seu rosto a tristeza.

Ações // Informações.
—  Dado 1: Defesa;
—  Nível 01 – Com apenas um toque, o parasita poderá absorver de um ser humano, aos poucos, toda a sua energia vital, mesmo que exista uma ligação entre os envolvidos. Enquanto isso, ao tocar um mutante, o parasita absorverá uma parte de seu poder, o suficiente para que possa utilizá-lo sem causar danos ao outro, contanto que exista uma ligação entre eles, caso o contrário, o mutante sofrerá de dores de cabeça insuportáveis à medida que o toque se estende.

Atributos // Perícias
— Destreza: 07;
— Força: 04;
— Inteligência: 8;
— Carisma: 06;
— Vigor: 05

— Armadilhas - Amador.

● ● ●


myself
Take me away to some place real.'Cause they say home is where your heart is set in stone. Is where you go when you're alone. Is where you go to rest your bones. It's not just where you lay your head, it's not just where you make your bed. As long as we're together, does it matter where we go?
avatar
Margot W. Furtwängler
the calm before
the calm before

Mensagens : 54
Data de inscrição : 15/12/2015
Idade : 19
Localização : Cela 037.

Ficha do Prisioneiro
Nível: 12
Experiência:
0/100  (0/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 4:56 pm

O membro 'Margot W. Furtwängler' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'D20' : 5

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Violet Maddox em Qui Jan 21, 2016 5:04 pm



Blow up
COLD AS ICE AND MORE BITTER THAN A DECEMBER. WINTER NIGHT. THAT'S HOW I TREATED YOU AND I KNOW THAT I. I SOMETIMES TEND TO LOOSE MY TEMPER AND I CROSS THE LINE. YEAH, THAT'S THE TRUTH. I KNOW IT GETS HARD SOMETIMES BUT I COULD NEVER LEAVE YOUR SIDE. NO MATTER WHAT I SAY 'CAUSE IF I WANTED TO GO. I WOULD HAVE GONE BY NOW.

Let's fuck them up!


Quando o tigre se aproximou de Margot, a criatura levantara uma das mãos e dissera uma ordem de comando para que a loira parasse de correr em sua direção. Estranhamente a loira obedeceu ao comando do homem ao sentir a necessidade de tal. Tessa vinha logo atrás dela. Mas seus passos foram interrompidos no instante em que o capuz da criatura caíra, revelando um homem muito alto e com cicatrizes pelo rosto.

Violet retornara para sua forma humana e se colocara ao lado de Tessa, prestando atenção ao que o homem dizia. -O que ele quer dizer com vocês duas estarem mortas?- Questionou a loira para Tessa, que parecia mais confusa do que ela. Ao notar a proximidade daquele homem à Margot, Violet cerrara os punhos. -Ei!-Disse a loira atraindo a atenção do outro. -O que você quer dizer com isso? E essa tal de rebelião?-

Um medo súbito crescera dentro de Violet, olhando para todos os lados enquanto piscava rapidamente. -Abby...-O nome da prima saiu como um sussurro dos lábios da garota. Estivera tão preocupada em salvar a própria pele que esquecera da prima, que estava em algum lugar. -Você sabe como nos tirar daqui?-A voz de Violet era trêmula enquanto a mesma sentia um pavor enorme pela única família que conhecia.        
Extras:
Ação: D1: Defesa

Perícia: Leitura labial (amador)

Atributos:   Destreza: 5
Força: 7
Inteligência: 8
Carisma: 2
Vigor: 8  
         


MIKHAILELISHTESSAMARGOTVIOLET




● ● ●

Do not trust us
avatar
Violet Maddox
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 28
Data de inscrição : 11/12/2015

Ficha do Prisioneiro
Nível: 16
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 5:04 pm

O membro 'Violet Maddox' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'D20' : 20

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Abby J. Maddox em Qui Jan 21, 2016 7:29 pm




This is The Puppeteer


Kill me if that's
what you want
Podia sentir o medo e o pânico se infiltrando lentamente em meus ossos, causando arrepios variados por toda a extensão do meu corpo. Depois do meu ataque contra Zachary, o rapaz não estava bem e pude ver que a Francesca tentou fazer algo para ajudá-lo. Boa menina. Logo, a loira achou um pedaço de concreto e tentava abrir o cadeado que me prendia à força. Rezava para que conseguisse, mas não conseguia tirar os olhos de onde a voz vinha para ajudá-la. A surpresa só veio quando Zachary se juntou a Francesca para me soltar, ambos usando pedaços de concreto debilmente. - Cuidado, abestados, vão acabar se machucando... - Eu estava mesmo me preocupando com os dois? Puppeteer está mexendo com minha mente, é isso. Logo tive a chance de voltar minha atenção para a Fera, bem a tempo de vê-la saltar para longe dos arbustos que tomava como esconderijo.

Se tratava de uma besta de verdade, um cachorro gigante talvez, não parecia muito lobo para mim. - Sempre irônica - Dei de ombros e um sorriso orgulhoso se formou em meus lábios. - Eu tento. - Pude perceber que minha voz saiu fraca e amedrontada, não estava conseguindo parecer forte como queria. - Vamos, gente, gosto da minha vida... - Disse baixo, incentivando os garotos a me tirarem dali mais rápido. Ferrada, é isso que estou. - Aonde está indo, Abby? Vem me dar um abraço! - Besta idiota. Um arrepio percorreu pelo meu corpo. Eu conhecia aqueles olhos, e conhecia bem. Violet. - Cala a boca, idiota. - Infelizmente, ainda parecia vulnerável. Droga. Chacoalhei as grades. Quero tanto sair daqui. A besta pulou sobre mim. - Oh, minha nossa... - Mal tive tempo de dizer antes de esquivar da fera, caindo sentada. - Isso já está ficando pessoal. - Sussurrei, mais para mim mesma que para qualquer outro. Como não conseguiu me acertar, a fera acabou por se chocar contra a porta da jaula, derrubando-a. - O cachorro louco trabalha melhor que vocês... - Disse para Zachary e Fran, novamente de pé e meio paralisada. A fera se levantou e rugiu, levantei os braços com as palmas das mãos viradas para a frente. Murmurei um "Foi mal" em búlgaro. É hora da guerra.

Bae cansou de se mostrar meio inútil e resolveu agir, a mesma lançou algo que flamejava na fera. Pude sentir um aperto no peito. Droga, essa coisa é a minha prima. Me arrependeria daquilo, mas não deixaria que a estúpida machucasse Fran e, infelizmente, Zachary. Cerrei os punhos, Puppy deveria estar fazendo algo com ela. Droga, Droga. Não pude fazer nada, nem mesmo me decidir antes que a outra morena lançasse lava nas pernas da besta. Fechei os olhos com força. Não pode ser ela. Não pode ser ela. Estiquei os braços na direção da fera. - Desculpa, moça, mas farei você sangrar pelos seus pecados. - Sussurrei, sabendo que meus olhos estavam um pouco marejados. Aqueles malditos desafios estavam me deixando sensível demais, precisava sair dali, e logo. Sentindo uma leve pressão no peito, mentalizei as narinas e orelhas da besta sangrando. - Chore pelos mortos... - Girei o pulso, fazendo-a sangrar pelos olhos também, como em uma boa hemorragia interna. Suspirei, longa e pesadamente, deixando meus braços caírem em seguida. Eu sinto muito. Então imaginei seu sangue fervendo nas veias, assim como fizera com Zachary.

Info:
Ações: D20: Ataque à besta. - Hemorragia.
D20: Ataque à besta - Ferver o sangue.
D20: Possível defesa.
D10: Ações da Besta. (Não entendi se era ou não para rolar esse, então rolarei, caso esteja errado: ignorar)
Perícia: Psicologia - Amador

Atributos:
Destreza: 06
Força: 04
Inteligência: 08
Carisma: 05
Vigor : 07

Pensamentos - Minhas Falas. - Falas da Besta
(c)

● ● ●



Bang
She got a body like an hourglass, But I can give it to you all the time. She got a booty like a Cadillac, But I can send you into overdrive. See, anybody could be bad to you. You need a good girl to blow your mind. Swimming in the grotto. We winning in the lotto. It's dripping on wood
avatar
Abby J. Maddox
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 48
Data de inscrição : 07/12/2015
Idade : 20

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 7:29 pm

O membro 'Abby J. Maddox' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 16

--------------------------------

#2 'D20' : 4

--------------------------------

#3 'D20' : 13

--------------------------------

#4 'D10' : 9

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Mikael Oakhartly em Qui Jan 21, 2016 8:05 pm

KILLER


“Mas que porra você está fazendo aqui?” As frases escapavam por meio dos dentes cerrados através da raiva. A risada da criatura o irritava profundamente, bem como a surpresa de ter o patrocinador de todo aquele evento ali. Puppeteer tinha em suas palavras a satisfação e o gosto de vê-lo, pela primeira vez, aparentemente assustado. " Júlia não seria tão estúpida. Não pode estar falando sério...” Grunhiu, cerrando as mãos em punhos e percebendo a pontada de medo e de aflição que lhe brotava no peito. Não pode...

Júlia fora a única por quem Mikael conseguiu, em toda a sua vida, manter sentimentos e, não seria capaz de perdê-la para o jogo do espantalho. Desse modo, sem nem mesmo pensar duas vezes, o tiger deu meia volta, proferindo ofensas baixas e quase inaudíveis após o desaparecimento de Puppeteer, fazendo questão de fitar cada um dos corpos que se encontravam por ali, até o ponto em que seus ouvidos foram alertados por um grito de timbre reconhecível. “Júlia.”

Mediante à sua observação, o maestro de corpos concentrou-se e buscou o controle sobre alguns dos corpos espalhados por ali, talvez tendo companhia a busca por Júlia não fora de tão árduo acesso. Visando ser seguido pelos mortos, Mikka correu em direção ao destino previsto por sua audição e mente, tal qual havia sido avisado pelo espantalho. Controlava os cadáveres para que sempre estivessem por detrás de árvores, camuflando-se e se mantendo invisíveis aos olhos de qualquer outro ser repente.

O espanto vislumbrado em seus olhos lhe fazia parar, analisando a menina presa a alguns metros de distância. Gritar e chamar sua atenção fora uma das hipóteses que lhe passara pela mente, contudo, algo maior e feito a partir de uma matéria mais violenta lhe calara. “Mas que merda...” Grunhiu, semicerrando os olhos perante a proximidade da criatura humanoide carregada pelas correntezas do riacho.

Manteve-se sem expressão. O maxilar travado por sua frieza, a qual se desmanchava cada vez que observava Júlia, presa, submetida à posição de refém em um jogo criado e de responsabilidade total de Puppeteer. “Huey...” Os olhos se arregalaram e a arma fora solta, desesperadamente enquanto o olhar era alternado entre o primo e a garota.

“Você é mais esperto do que isso, Huey. Não vá se deixar levar por quem mal conhece... Você me conhece. Sabe mais do que ninguém o quanto me esforço para te proteger, assim como qualquer um que seja íntimo de mim. Ela, a Júlia, é a única coisa bela que já passou pela minha vida.” Suspirou, franzindo as sobrancelhas enquanto continuava a falar. “Você mais do que ninguém sabe do esforço que faço para manter uma empatia por você, Huey. Você sabe que não consigo manter sentimentos por ninguém.” Procurou olhar a face do primo. “Eu sei que não correspondo às suas expectativas. Perdão se não esbocei e expus sentimentos...Não os sinto como gostaria de sentir. Mas eu lhe peço, Huey. Não faça nada à Júlia. Faça o que quiser comigo, mas não a ela...Por favor.” A última parte saía como se doesse proferir tais palavras, ele estava disposto a tudo, menos a sacrificar Júlia naquele maldito jogo.


ATRIBUTOS:
Destreza - 06
Força - 06
Inteligência - 06
Carisma - 06
Vigor - 06

PERÍCIAS:
Resistência a Tortura - Amador

NA NARRAÇÃO:
- Dado 1: Levar os corpos e escondê-los por entre as árvores;
- Dado 2: Defesa a qualquer ataque.
UTENSÍLIOS:
Tablet
Computador.
Mochila com variados compartimentos.
- Duas facas.
- Uma pistola com três munições carregadas.
- Um arame para sufocamento.
- Um pé de cabra.
- Documentos da sala 3.
© kristen


Última edição por Mikael Oakhartly em Qui Jan 21, 2016 8:13 pm, editado 1 vez(es)

● ● ●

M I K A E L
avatar
Mikael Oakhartly
the great danger
the great danger

Mensagens : 30
Data de inscrição : 13/12/2015

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 8:05 pm

O membro 'Mikael Oakhartly' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 11, 5

--------------------------------

#2 'D10' : 4, 11

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Zachary P. Tucker em Qui Jan 21, 2016 10:01 pm


ABOMINATION
If you are dead or still alive, I don't care

Aconteceu tudo muito rapido, em um minutos eu estava ajudando Francesca com o cadeado e em outro segundo um monstro surgiu do vale das sombras. Ele tinha uns dois metros, o corpo era repleto de músculos, com pelos cinzas, parecia um coiote ou algo do tipo. Coloquei mais força, mas o cadeado parecia não quebrar por nada no mundo. Enquanto isso, deixei que meus olhos passeassem pelo corpo do monstro. Os pés tinham uma aparência de casco de bode e quando subi meu olhar, credo, eu vi uma saia. Acho que eu não podia mais chamar ele de monstro e sim, monstra. Suas mãos tinham garras com aparência de felino. Meus olhos se arregalaram quando cheguei na cabeça. Era amarela, parecia com a de um daqueles cachorros de aeroporto, rotwailer ou coisa do tipo.

O monstro, ou A monstro, iniciou um dialogo com Abigail, que respondeu em seu tom sarcastico costumeiro, mas não deixou de transparecer o medo ali. Não a culpo, quem não estaria tremendo na base com um monstro daqueles? Como um flash, a besta pulou na morena, que conseguiu desviar, deixando que a monstra estourasse as grades da jaula, parando na minha frente. Pude enxergar projéteis sendo arremessados na direção da monstra e então me esquivei, indo para trás dela. Bae continuou atacando, jogando lava nas pernas do monstro e Abby começou a agir. Eu tinha que pensar rápido. Foi então que uma ideia surgiu na minha mente.

Me concentrei, entrando na mente da besta e mudando totalmente o cenário onde ela estava. O monstro não nos via mais, enxergava apenas grandes árvores, ouvia passarinhos e tudo relacionado a uma selva. Aproveitei e modifiquei suas memorias, colocando na memória da besta que eramos aliados dela e não inimigos. E como eu não sabia o quao forte ela era, a fiz acreditar que sua cabeça estava prestes a explodir e ela não via nada além da floresta, memórias boas sobre nós, vontade de nos proteger e uma dor de cabeça terrível.

Informações:
Atributos:
Destreza 05
Força 05
Inteligência 13
Carisma 04
Vigor 05
Perícia:
Resistência a tortura – Amador
Armadilhas - Amador
Dados:
D1 - Dor de cabeça na besta
D2 - Mudança de cenário
D3 - Mudança de mémorias
D4 - Defesa
D5 - Ações da besta




Última edição por Zachary P. Tucker em Qui Jan 21, 2016 10:07 pm, editado 1 vez(es) (Razão : não coloquei uma pericia e alguns dados)

● ● ●

I'm your worst nightmare
avatar
Zachary P. Tucker
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 75
Data de inscrição : 03/12/2015
Idade : 24

Ficha do Prisioneiro
Nível: 18
Experiência:
96/100  (96/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 10:01 pm

O membro 'Zachary P. Tucker' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 3, 2, 20, 7

--------------------------------

#2 'D10' : 5

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Francesca Durbtsky em Qui Jan 21, 2016 10:30 pm

But I got a blank space, baby...


Quando me dei conta, o monstro se aproximava de nós, a criatura com cabeça de rotwailer e patas de felino se aproximou de Abby e começou a conversar com ela, não me foquei muito em saber o que estavam falando, apenas queria acabar logo com aquilo.

Vejo o monstro sangrar e me lembro que ajudei Zachary e pouco com o que Abby fez com ele. Uma ideia passa pela minha mente e eu não poderia deixar de tentar. Já tinha dado certo outras vezes, agora teria que dar!
Respirei fundo, ergui minha mão e me concentrei ao máximo em fazer o sangue do monstro ferver como o de Zach tinha fervido, podendo ver o bicho se contorcer a dor.  


Poderes:

■ Nível 25 - O mutante pode reverter os efeitos do seu poder, podendo utilizar isso contra o inimigo: Com um toque o usuário pode utilizar de um ferimento que curou anteriormente para que este inflija contra um inimigo. Ex: Você curou uma fratura exposta na perna de um aliado e utilizou esta habilidade para criar uma fratura exposta na perna do inimigo

Dados:
D20- Ataque no monstro.
D20- Defesa.
D10- Ações Monstro.

Pericias:
Resistência a tortura - Profissional
Rastreio - Mestre
Armadilhas - Amador

Atributos:
Destreza: 03
Força: 11
Inteligência: 14
Carisma: 01
Vigor: 06
...And I'll write your name!

● ● ●

You know you like it
but it drives you insane.
What you want,
what you gonna do?
Only because you know that
you wanna feel the same .

Dica preciosa pras miga:
avatar
Francesca Durbtsky
the boredom killers
the boredom killers

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/11/2015
Idade : 23
Localização : Inferno (?)

Ficha do Prisioneiro
Nível: 16
Experiência:
80/100  (80/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Qui Jan 21, 2016 10:30 pm

O membro 'Francesca Durbtsky' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 16

--------------------------------

#2 'D20' : 1

--------------------------------

#3 'D10' : 7

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Puppeteer em Sex Jan 22, 2016 7:24 pm


Puppeteer Challenge
Not in time, not in space, nowhere, never.
__________________________________________________________________________________
combate:
-IMPORTANTE PRA CARALHO! Agora começou a batalha para todos vocês! Seguinte, cada boss tem 300 de hp, exceto o Huey que tem 175, vocês tem direito a jogar três dados por turno, (um de ataque e dois de defesa, três de ataque, dois de ataque e um de defesa, vocês que sabem).
-A rolagem de dados será a seguinte:
♦ Ataque seu, D20.
♦ Defesa sua, D10.
♦ Ataque do Chefe, D20.
♦ Defesa do Chefe, D10.
-Você pode defender seu amigo e atacar seu amigo se quiser.
-A ordem sempre será:
1- Seu dado
2- Seu dado
3- Seu dado
4- Dado de Ataque do Chefe
5- Dado de defesa do Chefe

Não irá contar atributos.
Para Francesca e Zachary, curar conta como uma ação de ataque, D20. Assim como ilusões.

_______________________________________
Distrito dos Funcionários:
Mikael usou seus poderes para controlar os corpos que Puppeteer havia espalhado pela estufa, conseguindo assim mais cinco aliados sem cérebro. Os corpos ficaram ocultos na floresta atrás do garoto enquanto o mesmo enfrentava Huey.

O monstro aquático encarava Mikael enquanto este tentava argumentar, mas não parecia estar fazendo muito efeito. A água que formava a cabeça humanoide da criatura pareceu se agitar na altura da boca, como um sorriso, então um tentáculo avançou contra o jovem, empurrando-o para trás, mas sem machuca-lo, a fera parecia hesitante.

-Eu vi o seu corpo! – Gritou, aumentando de tamanho – Eu sei que o verdadeiro Mikael está morto! E o Puppeteer é o único que pode trazê-lo de volta, ele prometeu. Estou fazendo isso por uma boa causa! – A última frase pareceu mais como um pensamento para si próprio.
status:
Mikael: 100/100
Huey: 175/175
____________________________________
Distrito dos Detentos:
Thomas observava a aproximação de Tessa com as feições duras como pedra, sem se mover um milímetro sequer. Então o loiro virou-se abruptamente, andando de um lado para o outro, sem tirar contato visual das três garotas. O homem tirou o casaco que cobria seus braços, revelando o uniforme de detento com as mangas rasgadas na altura dos ombros, seus braços mostravam mais marcas de cicatrizes. Estreitou os olhos para Violet.

-Vocês estão diferentes, estão mais novas. – Então passou a encarar um vazio entre as garotas – Ele não trouxe vocês de volta... Ele trouxe vocês do passado! – Disse arregalando os olhos, então olhou em volta, assustado – Vão embora, não olhem para trás!

E assim as garotas fizeram, correndo em direção ao elevador, ouviram então a risada de Puppeteer, assim como a voz sussurrante do mesmo:

-Thomas, o que eu disse para fazer com as nossas convidadas? Mate-as! – Sibilou o anfitrião.

-Parem! – Ordenou Thomas, obrigando todas a obedecerem. Quando olharam para o loiro, perceberam seus olhos enuviados, Puppeteer desaparecia nas sombras atrás dele. Era como se o mesmo estivesse sob controle mental . Thomas puxou uma faca afiada do bolso, sorrindo de uma maneira que as garotas nunca haviam visto. – Vamos lutar? – Convidou-as, pressionando a ponta da faca contra a própria bochecha até uma gota de sangue brotar.

status:
Margot: 100/100
Tessa: 96/100
Violet: 91/100
Thomas: 299/300

_________________________________
Área de Lazer:

Bae foi a primeira a atacar, saindo das sombras e disparando seus projéteis afiados e flamejantes contra a criatura. A fera foi pega de surpresa, rugindo ao sentir o impacto e a penetração em sua pele, virando-se na direção de Bae com a boca espumando e bloqueando os últimos projéteis. Então a fera olhou para Abby e rugiu:

-Trouxe amiguinhas, prima?

E correu em direção a Bae, batendo fortemente os cascos no chão enquanto dois chifres de antílope se formavam no topo de sua cabeça. Por sorte Bae conseguiu ser mais rápida e desviar, saindo ilesa do ataque. (“Violet” -20)

Abby tratou de ferir internamente o monstro, mas a criatura parecia saber a estratégia da morena, fazendo o corpo se alterar constantemente enquanto o poder era usado, deixando a hemocinese de Abby mais confusa (“Violet” -11). Porém Violet não passou a tempo todo se defendendo de Abby que nem teve tempo de atacar quando Zachary passou a impor memórias na criatura.

Por alguns segundos, Violet sentou-se no chão, causando certo tremor, então olhou para os projéteis de Bae cravados em sua pele, choramingando baixinho como um cachorro. Era possível ver que ela ainda sabia que estava na prisão e não mostrava sinais de dor de cabeça que Zachary havia tentado impor.

Francesca usou sua habilidade de reverter efeitos  contra a fera, que rugiu agoniada ao sentir o sangue ferver. Levantando-se em um sobressalto e acertando Francesca de raspão com as costas das patas (“Violet” -9) (Francesca -6). Agora estava de volta à batalha, mas ainda estava confusa, olhando para todos os quatro sem saber o que fazer.
status:
Bae:  90/100
Francesca:  84/100 (-6) 78/100
Abby:  89/100
Zachary: 80/100
“Violet”: 300/300 (20)(-11)(-9) 260/300


Código:
Instruções:
-IMPORTANTE! Eu não ligo para a nivelação de poderes, para mim vocês podem fazer o que quiserem. Vou levar em consideração a rolagem de dados e os atributos, apenas.
-IMPORTANTÍSSIMO! NÃO PODE MAIS DESISTIR!
-Há risco de morte;
-Quem não postar no prazo está eliminado;
-Prazo para postarem: 22:00, 24/01/2016.

Made by Zouxas

● ● ●

avatar
Puppeteer
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 13
Data de inscrição : 09/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Mikael Oakhartly em Sab Jan 23, 2016 6:25 pm

KILLER

Os olhos do moreno acabavam por fixar-se no rosto de Júlia. No solo, com as mãos espalmadas ao lado do corpo, sentia seu peito subir e descer cada vez mais visivelmente; as lágrimas que começaram a surgir sob os olhos não eram por temor, e sim aflição de fazer algo e deixá-la a salvo: assim que arrastou o olhar para as coisas ao lado, completamente largadas no chão, ele pôde raciocinar. "Os documentos...", diz de forma inaudível. "Os documentos.", repete, e então se vira, indo atrás das folhas que falavam sobre ele próprio. A respiração arfava em seus pulmões. "Você diz que eu morri, certo?", olhou para ele, enrijecendo o maxilar: "Eu posso realmente estar morto, mas não ainda, não no meu presente. Olha pra mim, eu estou aqui na sua frente, a única coisa que você tem a me dizer é se vai me querer morto agora, ou vivo, e me dizer o que exatamente está acontecendo.".

Tudo que ele precisava, era que ele tivesse um pouco mais de fé em suas palavras: "Júlia é só uma distração, não...Não faça nada a ela, nem a mim. Me deixe te provar do contrário. Aquele homem tem poderes muito mais possessivos e manipuladores que os nossos...Não sou o Mikael do seu presente, e sim o do seu passado. Por alguma razão, ele me trouxe aqui assim como à Teresa e Margarida, todos nós para morrermos antes, e ironicamente, por alguém que conhecemos, e mesmo não sabendo como o fazer, que amamos...", as sobrancelhas franziam, e lentamente, Mikael se levantava e estendia o documento para ele. "Acredite em mim. Olhe por si próprio, aqui, leia. Sabe me dizer quem é Ayra?"

ATRIBUTOS:
Destreza - 06
Força - 06
Inteligência - 06
Carisma - 06
Vigor - 06

PERÍCIAS:
Resistência a Tortura - Amador

NA NARRAÇÃO:

UTENSÍLIOS:
Tablet
Computador.
Mochila com variados compartimentos.
- Duas facas.
- Uma pistola com três munições carregadas.
- Um arame para sufocamento.
- Um pé de cabra.
- Documentos da sala 3.
© kristen

● ● ●

M I K A E L
avatar
Mikael Oakhartly
the great danger
the great danger

Mensagens : 30
Data de inscrição : 13/12/2015

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Sab Jan 23, 2016 6:25 pm

O membro 'Mikael Oakhartly' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 19

--------------------------------

#2 'D20' : 16

--------------------------------

#3 'D10' : 4

--------------------------------

#4 'D10' : 3

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Abby J. Maddox em Dom Jan 24, 2016 1:44 pm




This is The Puppeteer


Kill me if that's
what you want
Meus ataques não me deixaram na mão, mas surgiram poucos efeitos na "besta-prima". Logo os outros dois garotos se juntaram a mim e a Bae no ataque. Esse são meus bebês, cresceram tão rapido. Finalmente a fera parecia estar sentindo algo. -Trouxe amiguinhas, prima? Sorri dando de ombros, sabendo o quão irônico era aquilo, eu nem gostava da maioria daqueles abestados lindos e isso significa 2/3. Logo percebi que aquela coisa estava conseguindo se safar da maioria de nossos ataques e isso estava me deixando bem puta da vida.

Cruzei os braços com vontade de fazer birra. Você não e mais criança, Abby. Meu poder era um saco de usar, por isso precisava de outros metodos de ataque. Olhando em volta, pude avistar o pedaço de concreto que Zachary usara para tentar me libertar da jaula anteriormente. Legal, ta inteiro. - Hey, nojentinha. - Chamar a atenção da besta era uma ideia horrivel, mas eu ja estava sem paciencia. Assim que a coisa me deu atenção, lancei o concreto nela, mirando bem na cabeça peluda e possivelmente cheia de piolhos. Logo em seguida, voltei a usar meu poder, tentando causar uma pressão sanguinea naquela coisa.

SORRY:
Desculpe o post merda, mas tive que faze-lo na pressa com tres pessoas me apressando pra sair.

Info:
Ações: D20: Ataque à besta. - Lançamento de concreto.
D20: Ataque à besta - Pressao sanguinea.
D10: Possível defesa.
D20: Ataque da Besta.
D10: Defesa da Besta.
Perícia: Psicologia - Amador

Atributos:
Destreza: 06
Força: 04
Inteligência: 08
Carisma: 05
Vigor : 07

Pensamentos - Minhas Falas. - Falas da Besta
(c)

● ● ●



Bang
She got a body like an hourglass, But I can give it to you all the time. She got a booty like a Cadillac, But I can send you into overdrive. See, anybody could be bad to you. You need a good girl to blow your mind. Swimming in the grotto. We winning in the lotto. It's dripping on wood
avatar
Abby J. Maddox
the stuck-ups
the stuck-ups

Mensagens : 48
Data de inscrição : 07/12/2015
Idade : 20

Ficha do Prisioneiro
Nível: 11
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Dom Jan 24, 2016 1:44 pm

O membro 'Abby J. Maddox' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 1

--------------------------------

#2 'D20' : 9

--------------------------------

#3 'D10' : 6

--------------------------------

#4 'D20' : 14

--------------------------------

#5 'D10' : 3

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Margot W. Furtwängler em Dom Jan 24, 2016 1:54 pm




purpose




You got your hazard lights on now, hoping that somebody would slow down. praying for a miracle. who'll show you grace?
Sendo obrigada a girar sobre seu próprio eixo e a dar as costas para o garoto, Margot perdia o controle sobre seus sentidos e suas ações. Os olhos ainda arregalados e extasiados pelas visões antigas, as quais revelavam cicatrizes por toda a extensão dos braços alheios, bem como as palavras que era ditas por ele, causando-lhe uma confusão interna. Ela queria sair dali, queria ir embora e esquecer tudo o que estava acontecendo, tudo o que aconteceu e, pelo que parecia, teria a chance de sumir dali com suas companheiras.

Os pés se moviam rapidamente, tornando menor a distância que separava seu corpo do início do corredor, onde o elevador continuava de portas abertas para acolhê-las e levá-las para algum lugar onde achassem a saída daquele labirinto de confusões. No entanto, uma nova ordem mexera com seu organismo, fazendo-a girar e voltar a olhar o corredor, estando boquiaberta por ver a névoa enegrecida desaparecer por detrás de Thomas. "Puppeteer!" Ele estava ali!

Exibindo uma lâmina prateada e completamente afiada, o loiro parecia estar sendo corroído pela influência de Puppeteer. Os olhos antes esverdeados agora se perdiam em uma turbulência de reações, confusas e controladas pela criatura anfitriã. Seu sorriso era macabro e causava na ruiva alguns calafrios, todo o seu corpo tremia por medo, ela não queria ter de lutar contra Thomas, mesmo que ele fosse o vilão da história. Acreditava que talvez ele voltasse a sua realidade e se desse conta de quem realmente era.

- Thomas! Esse não é você! - Gritou. O rosto franzido pela preocupação e o temor, as mãos trêmulas dirigiam-se aos cabelos, agarrando-os como se buscasse força e coragem para enfrentar aquela situação. - Lembre de quem você é, Tarwick! Lembre de quem você realmente é! - Continuava a gritar para ele, mas já era tarde demais. Violet avançava contra o garoto. A batalha fora iniciada.

"Eu não posso fugir." Ocultou os olhos e inspirou todo o ar possível, revigorando-se através de um suspiro pesado, deixando que seus medos de esvaíssem por meio daquilo. Dessa maneira, as mãos foram analisadas por seus olhos e, se deu conta de que teria de usar seu poder. Visando uma cobertura a Violet, a alemã avançou logo atrás dela, porém seus passos eram lentos e cautelosos. Possuía estratégias prontas para serem utilizadas, mas seu primeiro objetivo era ficar ali, atrás do lobo e pronta para qualquer coisa que acontecesse.

As mãos elevadas e direcionadas ao loiro pairavam na altura de seus ombros. Os pés se firmavam ao solo, prontos para correr e tocar no maior enquanto ela tentaria convencê-lo a parar com aquilo. Procurou manter o controle, o raciocínio. Não havia uma saída.

Ações // Informações.
—  Dado 1: Defesa;
—  Dado 2: Ataque do Boss;
—  Dado 3: Defesa do Boss.
—  Nível 01 – Com apenas um toque, o parasita poderá absorver de um ser humano, aos poucos, toda a sua energia vital, mesmo que exista uma ligação entre os envolvidos. Enquanto isso, ao tocar um mutante, o parasita absorverá uma parte de seu poder, o suficiente para que possa utilizá-lo sem causar danos ao outro, contanto que exista uma ligação entre eles, caso o contrário, o mutante sofrerá de dores de cabeça insuportáveis à medida que o toque se estende.

Atributos // Perícias
— Destreza: 07;
— Força: 04;
— Inteligência: 8;
— Carisma: 06;
— Vigor: 05

— Armadilhas - Amador.





● ● ●


myself
Take me away to some place real.'Cause they say home is where your heart is set in stone. Is where you go when you're alone. Is where you go to rest your bones. It's not just where you lay your head, it's not just where you make your bed. As long as we're together, does it matter where we go?
avatar
Margot W. Furtwängler
the calm before
the calm before

Mensagens : 54
Data de inscrição : 15/12/2015
Idade : 19
Localização : Cela 037.

Ficha do Prisioneiro
Nível: 12
Experiência:
0/100  (0/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Hunted em Dom Jan 24, 2016 1:54 pm

O membro 'Margot W. Furtwängler' realizou a seguinte ação: Lançar dados

#1 'D20' : 17

--------------------------------

#2 'D10' : 2

--------------------------------

#3 'D20' : 3

● ● ●

avatar
Hunted
this is our reign
this is our reign

Mensagens : 474
Data de inscrição : 27/11/2015

Ver perfil do usuário http://hunted.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento - Puppeteer's Show

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Novo Tópico   Responder ao tópico
 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum